Dica de máscara de cílios

Oi pessoal!!

Hoje eu vim contar para vocês sobre uma das minhas paixões quando o assunto é maquiagem. Estou falando da máscara de cílios BETTER THAN SEX da Too Faced.

better than sex mascara

 

Descobri essa máscara de cílios enquanto passava pela fila do caixa da Sephora em San Francisco. Quem já passou por essa parte da loja, entende a tentação que é, dá vontade de pagar cada uma das miniaturas que ficam por lá, e comigo não foi diferente.

De cara eu gostei da embalagem e quando usei o produto pela primeira vez, eu simplesmente me apaixonei. Meus cílios ficaram enormes e bem volumosos, do jeitinho que eu gosto.Me dei tão bem com ela que no dia seguinte corri para comprar a versão normal, sabia que só a amostrinha não seria suficiente e acabaria rapidinho na minha mão.

Vou mostrar em fotos para vocês a diferença que essa belezinha faz:

 

Meus cílios sem nenhum produto.

2016-01-08 14 foto 1

 

Meus cílios com uma camada de máscara. (Já dá pra ver uma grande diferença, né?)

2016-01-08 14 footo 2

 

Meus cílios com duas camadas de máscara.

2016-01-08 14 foto 3

 

Meus cílios com três camadas de máscara.

2016-01-08 14 foto 4

 

Só pelas fotos sem maquiagem é possível ver o poder que ela tem, imagina com uma make super bafônica … Demais!!

O aplicador dessa máscara é um dos meus preferidos, com cerdas tradicionais, mais alongadas e bem cheio, sem falar na facilidade de aplicar e remover o produto, com ele não tem aquela de ficar esfregando até os olhos ficarem vermelhos.

Eu diria que o único ponto negativo que ela cria um pouco de bolinhas ao longo das camadas, mas sinceramente não vejo problema nisso, já que o resultado é tão legal.

A Better than Sex da Too faced não está à venda no site da Sephora do Brasil, mas é possível encontra-la no site gringo pelo preço de $23.00. (É meio carinha se você for comparar com os preços de máscaras vendidas em farmácias, mas vale muito a pena.)

Recomendo muito esse produto para todos, ele virou o meu preferido do momento.

Trabalhando na Disney

090

Olá pessoal,

Eu sou a Ju, estou fazendo meu primeiro post aqui no blog e para celebrar isso, eu vim falar para vocês sobre viagem, mas uma viagem um pouco diferente.

Recentemente fiz um intercâmbio de trabalho na Disney (o lugar mais feliz do mundo) e quero dividir essa experiência com vocês. Vou fazer uma série de posts falando sobre o processo, a viagem, os gastos e todas as experiências maravilhosas que eu vivi.

Acho melhor começar do começo pra situar um pouco vocês e mostrar que essa oportunidade não caiu no meu colo do nada, pelo contrário, foram muitos meses de nervosismo e de espera até que tudo acontecesse.

Eu sempre fui encantada com a Disney e tudo o que está ligado a esse assunto, de filmes até a perfeição dos parques. Como sempre me interessei por esse mundo, frequentemente me pegava lendo ou assistindo alguma coisa sobre os parques, sobre os filmes e até sobre a empresa (e cada vez ia me apaixonando mais). Foi numa dessas que descobri a possibilidade de ir trabalhar lá, já que a Disney tem vários programas no mundo todo que faz seleções de candidatos para irem trabalhar um tempo por lá, me interessei na hora e também tive o apoio dos meus pais, mas na época estava começando a minha faculdade e achei que não era o momento, achei que precisava amadurecer um pouco mais. Algum tempo se passou e eu parti para um outro intercâmbio em San Francisco na Califórnia (se quiserem eu falo um pouco dele para vocês depois – deixem nos comentários) e quando voltei, ainda motivada pela experiência de me virar sozinha em um outro país, senti que era a hora de me inscrever e ir atrás de trabalhar na Disney, de me tornar uma cast member e ajudar a realizar sonhos.

O processo

No processo existem duas palestras obrigatórias, que qualquer interessado precisa ir. A primeira palestra é em português, feita pela agência STB, que representa a Disney aqui no Brasil durante essa primeira fase. Depois dessa primeira palestra é feita uma entrevista, como próprio pessoal da STB. Caso você tenha passado nessa primeira fase, você vai para uma segunda palestra/entrevista, só que dessa vem com os próprios recrutadores da Disney que vem aqui para o Brasil para selecionar a gente. Sendo aprovado nessa segunda entrevista, existem várias coisas a serem resolvidas como passaporte, visto de trabalho para os EUA, passagens, seguro e muitas outras coisas, que eu vou explicando melhor mais tarde.

A primeira palestra e entrevista

Para ir nessa primeira palestra, é necessário se inscrever o site da STB e é obrigatória a presença neste dia, como eu já mencionei, essa palestra é em português, feita pelos integrantes da equipe da STB. Na palestra eles mostram como será o programa, apresentam as funções (roles) nas quais você pode trabalhar e apresentam vários vídeos incríveis que dão mais vontade ainda de ir trabalhar lá. Ao final dessa palestra, uma senha é distribuída, com data e horário para a primeira entrevista (normalmente é no mesmo dia ou no dia seguinte). Se você passou nessa entrevista, comemore, é mais um passo para trabalhar na Disney.

Após o resultado sair, alguns documentos da faculdade são pedidos e devem ser entregues na data estipulada. Estas datas são muito importantes, caso uma delas não seja cumprida, o processo pode acabar por aí. Com os documentos entregues, é só esperar pela próxima palestra e entrevista.

A segunda palestra e entrevista

A minha segunda palestra e entrevista aconteceram em São Paulo, eu tive que viajar para lá, foi bom, porque fiz algumas amizades e que felizmente pude encontrar depois durante o programa. Essa segunda palestra é feita em inglês, pelos recrutadores da Disney e é bem legal, tem algumas perguntas sobre a Disney e dá para ganhar algumas lembrancinhas, tem mais informações sobre o programa e é claro, mais vídeos que deixam a gente com água na boca para embacar logo pra essa terra encantada.

A entrevista normalmente é num outro dia e tem um ar um pouco mais sério, o pessoal fica super nervoso antes de entrar na sala de entrevistas. Mas uma dica: não fique, tente ficar o mais relaxado possível, e se concentre em parecer flexível, simpático e animado para trabalhar na Disney, por isso o sorrisão é indispensável nessa hora. Tente lembrar que o recrutador procura por uma pessoa nos padrões Disney, então se você for agradável, demonstrar que conhece um pouco a empresa e que está disponível pratrabalhar onde for e dividir acomodação com outras pessoas, ele provavelmente vai gostar de você. Uma outra coisa importante: O Disney look. O tal padrão de pessoas que todos esperam encontrar da Disney, então eles pedem que você não tenha piercings e tatuagens, que tenha unhas curtas com esmaltes claros e tenha o cabelo na coloração mais natural possível, os homens devem ter cabelos curtos e se quiserem, uma barba bem cuidada, pois é assim que os guests esperam que os cast mambers sejam.

 A espera

Na minha opinião é a pior parte do processo, a espera do resultado final. “Eu serei ou não um cast member?” Esse tempo de espera tira o sono de muita gente, mas é muito gratificante, quando você recebe o email com a proposta de trabalho. Quer dizer que sim, você está pronto para fazer parte do elenco da Walt Disney World e você vai viver a melhor experiência de trabalho ever.

Depois disso, vários documentos são necessários, passaporte, visto de trabalho americano, seguro saúde obrigatório, passagens, documentação de housing e por aí vai, mas sem desesperos, cada pedacinho do seu processo é supervisionado pela Disney e eles vão te ajudar SEMPRE, a resolver todas as coisas. Aproveite esse tempo pré viagem que, apesar de estressante, é muito legal chegar ao fim e ver que tudo valeu MUITO a pena.

Quando a hora da viagem chegar, você vai sentir que está embarcando para um mundo mágico, vai conhecer os bastidores da magia, a atenção aos detalhes e a felicidade que é fazer parte deste elenco.

Aos poucos vou dando mais detalhes, dicas e contando para vocês um pouco mais do meu processo e da minha experiência. Espero que tenham gostado.

Beijinhos

Ju Saporito

Translate »